sexta-feira, 25 de março de 2011

"Anunciação", pintura de Fra Angelico


SENHORA DA ENCARNAÇÃO


Versão de Carreiras (concelho de Portalegre), recitada por Rosária da Conceição Pedro, nascida em 1926 e falecida em 2008. Declarou tê-la aprendida com seu pai, Manuel Pedro (1887-1958), na infância. Recolhida, em 1985, e transcrita por Ruy Ventura.


Senhora da Encarnação,
Senhora do Verbo Divino,
Deitai-me a Vossa divina bença,
Que eu vou por este caminho
À procura da salvação,
Do Sacramento Divino.
Ó meu Pai todo poderoso,
Filho dum Pai tão amoroso,
Uma alma que me deste
Não a deixeis morrer triste.
Se já Deus te quer levar,
Vai-te confessar.
Quem a souber, que a diga.
Quem a ouvir, qu' àprenda,
Saberá no Dia de Juízo
O bem que lhe pretenda.
Quem esta oração disser
Um ano, dia a dia,
Terá a su' alma tã' pura
C'mà c'roa da Virgem Maria.

Pesquisar neste blogue

Etiquetas

Arquivo do blogue

CASTELO DE VIDE CONVENTO DE NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO "Tem esta villa Convento dos Recoletos de sam Francisco fumdado e do...